Páginas

Chuva Vespertina

O céu beija a terra e deixa sua saliva
sobre as folhas, flores, calçadas.
Seu olhar de sol faz a umidade brilhar
como reflexos dum olhar apaixonado.
Eu dentro desse beijo molhado
aguardo a chuva cessar.

Um comentário:

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Como os pequenos poemas podem encerrar TANTA POESIA!!!!
Bjs
Nami